segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Pequeno Sol

Observando a flor ao pormenor, descubro um pequeno sol... energia vibrante e infinita, contida em espaço mínimo... Será que em cada ser,  há um centro de luz e movimento?  Até pode ser que haja, porém, nem todos são fonte de vida... Há sóis que já perderam a capacidade de brilhar e acalentar, são estrelas distantes e escondidas, cujo brilho nada mais é do que um mero reflexo. Mas há sóis que irradiam alegria, beleza e amor e esses brilham por si mesmos, espalhando sementes de luz por todo o cosmos.









CarlaSofia

4 comentários:

Marta Vasil disse...

Carla, não será que somos nós que temos de descobrir em cada sol a luz que ele pode conter?

Beijinho

Uma boa parte de mim disse...

Acredito que todos somos um pequeno sol, mas alguns, por força de tantas sombras precoces, perdem o brilho e deixam de (se) conseguir aquecer.

Braulio Pereira disse...

olá Carla

gostei muito de ler-te

tens a alma luminada

és sol que bronzeias o coraçâo

beijos poéticos!!

Sofá Amarelo disse...

Olá, o Sol continua a brilhar mas... que tem ser alimentado, heheh.

Tudo bem?

Beijinhos!!!

Um Anjo disse-me:
A nossa Fé dá-nos a força que precisamos quando tudo parece impossível.
As fotos deste blog são de minha autoria, à excepção das que são oferecidas pelos meus amigos. Todas estão devidamente identificadas.

Seguidores

Arquivo dos Universos

universos criados por aqui...